Ferreira GULLAR

Poeta, crítico de arte, ensaísta dramaturgo e tradutor, nasceu em São Luís do Maranhão em 1930, mudando-se para o Rio de Janeiro em 1951. Nos anos seguintes, suas reflexões se mostrariam fundamentais para que a arte brasileira encontrasse novo patamar de apreciação crítica. Sua extensa produção possui livros importantes para a literatura brasileira das últimas décadas, entre os quais A luta corporal (1954), O formigueiro (1955) e Poema sujo (1976).
    Em 2005, recebeu pelo conjunto de sua obra o Prêmio Machado de Assis, da Academia Brasileira de Letras, da qual, em 2014, tornou-se membro. Em 2010, ganhou o Prêmio Camões, o mais importante da língua portuguesa.

Pague com
  • PagSeguro V2
Selos
  • Site Seguro

Contra Capa Livraria Ltda. - CNPJ: 68.575.083/0001-80 © Todos os direitos reservados. 2021


Para continuar, informe seu e-mail

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência em nosso site. Para saber mais acesse nossa página de Política de Privacidade

Social