<span class="bn">Sertão Carioca, O</span><span class="as">Armando Magalhães Corrêa</span>

Código: 9788577402250
R$ 79,00
Comprar Estoque: Disponível
  • R$ 79,00 Boleto Bancário
  • R$ 79,00 American Express, Visa, Diners, Mastercard, Aura, Hipercard, Elo
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

TÍTULO:

O Sertão Carioca

RESUMO:

Autor(Armando Magalhães Corrêa)
Coedição Faperj e Biblioteca Nacional
Apresentação de Marcus Venicio Ribeiro
Introdução de José Augusto Drummond
Prefácio da 1ª edição de Edgar Roquette-PInto
ISBN 978-85-7740-225-0
2017, 2ª edição, 328 p., 17 x 24 cm, ilustrado pelo autor


DESCRIÇÃO:

No início da década de 1930, Magalhaes Corrêa [1889–1944] mudou-se com a família para um sítio em Jacarepaguá, na Zona Oeste da cidade, onde escreveu uma série de reportagens sobre o estado do valioso patrimônio natural local remanescente da Mata Atlântica – solos, rios, lagoas, restingas, dunas, flora, fauna – e sobre a vida sertaneja ainda pulsante a apenas uma hora do centro urbano do Rio de Janeiro – fazendas, igrejas, represas, pontes, estradas, ofícios, técnicas de produção, instrumentos de trabalho etc. Publicadas, entre 1932 e 1933, no Correio da Manhã, as reportagens tornaram-se livro em 1936, lançado como o volume 167 da Revista do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro.

O inédito documentário etnográfico e ecológico revelou o abandono da região que, no passado, havia sido grande produtora de açúcar e de café. Seus habitantes, os “sertanejos” – “brasileiros autênticos”, na retórica nacionalista do autor –, encontravam-se desamparados, carentes de escolas, assistência médica, saneamento básico e transportes; e a majestosa natureza, que ainda hoje distingue a região, continuava sendo devastada pelas ações imprevidentes dos que a exploravam, como efeito do egoísmo mercantil, do descaso do Estado e da ignorância generalizada.

Mais do que um precioso relato sobre esta área hoje importantíssima da cidade, onde estão os bairros das regiões administrativas de Jacarepaguá, Barra da Tijuca e Cidade de Deus, O Sertão Carioca oferece ao leitor uma avançada compreensão da vida social – vida sustentável e harmoniosa –, além de alertar sobre os riscos ecológicos a que a região seria submetida e que, hoje, ainda a ameaçam gravemente.

 

Armando Magalhães Corrêa

Natural do Rio de Janeiro, nascido em 1889, foi escultor formado pela Escola Nacional de Belas-Artes, onde também lecionou e depois se tornou conservador na Seção de História Natural do Museu Nacional, na então capital federal. Na última instituição, ele se especializou em taxonomia, convertendo-se em naturalista autodidata, e se integrou a um grupo de intelectuais e cientistas de fortes convicções ambientalistas, entre os quais Cândido de Mello Leitão, Heloísa Alberto Torres, Alberto José de Sampaio, Edgar Roquette-Pinto e Bertha Lutz. Faleceu em 1944.

 

Sumário      Prefácio 

 

R$ 79,00
Comprar Estoque: Disponível
Pague com
  • PagSeguro V2
Selos
  • Site Seguro

Contra Capa Livraria Ltda. - CNPJ: 68.575.083/0001-80 © Todos os direitos reservados. 2021


Para continuar, informe seu e-mail

Social